"A logística reversa é processo de planejamento, implementação e controle do fluxo dos resíduos de pós-consumo e pós-venda e seu fluxo de informação do ponto de consumo até o ponto de origem, com o objetivo de recuperar valor ou realizar um descarte adequado. Desta forma, contribuindo para a consolidação do conceito de sustentabilidade no ambiente empresarial, apoiada nos conceitos de desenvolvimento ambiental, social e econômico. " (Patricia Guarnieri)



Crédito da imagem: jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

quinta-feira, 16 de junho de 2011

São Paulo ganha um espaço dedicado a produtos orgânicos sustentáveis.

O Quintal dos Orgânicos trouxe uma nova experiência aos consumidores, que se queixavam do número limitado de locais voltados à comercialização de orgânicos. Em um amplo galpão de 500 m2 na Vila Madalena, em São Paulo, nasceu um novo conceito de varejo que privilegia o sustentável. Desde a produção dos alimentos, passando pela arquitetura e vestuário, tudo que existe lá foi escolhido criteriosamente. Ao todo, são aproximadamente 1.000 produtos orgânicos certificados voltados à alimentação, beleza, moda e decoração.
                          quintal
A oferta de produtos cultivados sem agrotóxicos inclui frutas, legumes, verduras, especiarias e temperos. No mobiliário, feito com madeira de demolição, é possível encontrar cafés, azeites, vinhos, geleias, doces, detergentes, lava-roupas, shampoos, sabonetes, hidratantes corporais.
Nos refrigeradores também há oferta de vários tipos de carnes da linha orgânica. Nesse caso, para ser considerado dessa categoria, o gado não pode ser tratado com medicamento alopático e nem alimentado em pasto com aditivos químicos.
O espaço dispõe de cafeteria e restaurante onde são servidos café da manhã, almoço e lanche da tarde. O cardápio muda diariamente aproveitando a sazonalidade dos alimentos.
A sustentabilidade também se faz presente na arquitetura do local. Além dos grandes armários confeccionados com madeira reciclada, a iluminação LED é de baixo consumo elétrico. As embalagens, compostas por sacolas e caixas dobráveis, são totalmente reutilizáveis.
Outro destaque do Quintal dos Orgânicos é a maneira utilizada na seleção de seus colaboradores. Todos eles foram indicados por ongs que lidam com treinamento e colocação de jovens de baixa renda no mercado de trabalho como Colméia, Comunidade Monte Azul, Gastronomia Solidária e Fundação Jovem Profissional.
Os benefícios desses produtos para a saúde e as inúmeras possibilidades de pratos na cozinha orgânica, que pode circular entre o trivial e o refinado, são assuntos que podem ser discutidos com o Administrador do Quintal dos Orgânicos, Nardi Davidsohn. Para mais informações acesse o site

Por: Alana Rany
Fonte: Ciclo Vivo
Disponível em: Revista Sustentabilidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário