"A logística reversa é processo de planejamento, implementação e controle do fluxo dos resíduos de pós-consumo e pós-venda e seu fluxo de informação do ponto de consumo até o ponto de origem, com o objetivo de recuperar valor ou realizar um descarte adequado. Desta forma, contribuindo para a consolidação do conceito de sustentabilidade no ambiente empresarial, apoiada nos conceitos de desenvolvimento ambiental, social e econômico. " (Patricia Guarnieri)



Crédito da imagem: jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Gastronomia sustentável: Campanha com renomados chefs tenta chamar a atenção para hábitos mais sustentáveis na cozinha

O movimento não chega ao ponto de conclamar o banimento da carne de nossos pratos. E, sinceramente, não acho isso ruim pois noto que campanhas radicais têm o efeito oposto: elas afastam, ao invés de aproximarem as pessoas do conceito de sustentabilidade. 
Por isso, acredito que as agradáveis mensagens de reciclagem de óleo, de lixo e do cultivo de hortas em casa, assinadas por nomes como Alex Atala, Emmanuel Bassoleil, Bel Coelho e David Hertz têm tudo para ganhar adeptos. Eles são as estrelas da campanha Mesa Sustentável, liderada pela revista Boa Mesa. 
De todos os temas apresentados pela campanha - que pode ser conhecida no site  www.mesasustentavel.com.br  chamou-me mais a atenção o tema apresentado por David Hertz: a inclusão social que pode ser feita a partir da cozinha. 
Primeiro, por chamar a atenção para o fato de que sustentabilidade é muito mais que meio ambiente. Segundo porque, sim, as atividades desenvolvidas na cozinha de um restaurante ou indústria oferecem condições de absorver mão de obra menos qualificada, que, uma vez treinada, pode se beneficiar da atual moda da gastronomia. E, como vários estudos da Endeavor já mostraram, alimentação é a principal porta de entrada no mercado para pequenos empreendedores. Então, vale a pena ficar de olho nesse movimento de gastronomia sustentável. Sem muito alarde, muitas mudanças podem vir lá da cozinha!

Por: Silvia Dias
Fonte: Blog  Pecados Verdes - Revista Sustentabilidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário