"A logística reversa é processo de planejamento, implementação e controle do fluxo dos resíduos de pós-consumo e pós-venda e seu fluxo de informação do ponto de consumo até o ponto de origem, com o objetivo de recuperar valor ou realizar um descarte adequado. Desta forma, contribuindo para a consolidação do conceito de sustentabilidade no ambiente empresarial, apoiada nos conceitos de desenvolvimento ambiental, social e econômico. " (Patricia Guarnieri)



Crédito da imagem: jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

domingo, 9 de janeiro de 2011

Embalagem sustentável se transforma em vaso de plantas

Guilherme Negri fundou a Coletivo Verde, empresa empenhada em desenvolver moda sustentável. Suas camisetas usam um tecido a base de pet reciclado e algodão. Ele queria também uma embalagem de baixo impacto e reutilizável. Pesquisando, bateu em um vídeo que deu o estalo da solução. O filme “era um gif animado de uma planta nascendo de dentro da embalagem”, conta.  Veio daí a inspiração para criar uma embalagem de bambu para as camisetas que pudesse, em seguida, se transformar em vaso.
Quase deu certo. A Coletivo Verde se uniu ao pessoal do Design Simples e botou a mão na massa. Segundo ele, ralaram muito e criaram um ótimo protótipo. As bases eram:
  • Materiais de fontes renováveis e de baixo impacto: bambu, papelão, algodão, tinta ecológica
  • Dispensar colas e adesivos
  • Prescindir de etiqueta
  • Resistência e facilidade de fechar/abrir
  • Reutilizável na forma de vaso de ervas ou floreira
Ao fim da aventura, o produto não atingiu todos os requisitos necessários para virar realidade. Por exemplo, o lacre de papelão não deu conta do recado. Mas foi uma tentativa brilhante.Ideias não tem berço certo nem garantia de sobrevivência, podem nascer da pesquisa metódica ou de uma conversa de bar. Mas nenhuma dispensa ousadia de romper com processos consagrados e coragem de tentar. Nisso, eles não falharam. Veja o vídeo abaixo e conheça mais detalhes da história.

Por: Eduardo Pegurier
Fonte: O Eco Cidades/Coletivo Verde

Nenhum comentário:

Postar um comentário