"A logística reversa é processo de planejamento, implementação e controle do fluxo dos resíduos de pós-consumo e pós-venda e seu fluxo de informação do ponto de consumo até o ponto de origem, com o objetivo de recuperar valor ou realizar um descarte adequado. Desta forma, contribuindo para a consolidação do conceito de sustentabilidade no ambiente empresarial, apoiada nos conceitos de desenvolvimento ambiental, social e econômico. " (Patricia Guarnieri)



Crédito da imagem: jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

sábado, 27 de março de 2010

Acerte na embalagem - PROLATA - Prefiram as embalagens de lata de aço

É uma iniciativa do Sindicato de Estamparia em Metais no Estado de São Paulo (SIEMESP). Participam 25 empresas direta ou indiretamente relacionadas à fabricação de latas de aço, entre elas a CSN - Cia. Siderúrgica Nacional (folha de flandres) - e o Grupo Gerdau, principal reciclador de sucata ferrosa do país.
A lata de aço é a melhor embalagem inventada pelo homem. Dispensa conservantes no envasamento de alimentos e acondiciona bebidas, tintas, produtos químicos e aerossóis. De personalidade marcante, valoriza roupas e acessórios de vestuário, relógios, charutos, CD, perfumes e uma infinidade de outros artigos de consumo que não dispensam elegância.
Produzidas com folhas de espessura variável entre 0,06 mm (refrigerantes e cervejas) e 0,18 mm (tintas 18 litros) e eletronicamente soldadas, as latas de aço venceram o obstáculo do peso específico que fazia sombra às suas vantagens de resistência mecânica e inviolabilidade totais. No manuseio, supera os concorrentes na velocidade de envasamento (800 unidades por minuto, no óleo comestível) e resiste às oscilações de temperatura, oferecendo barreira contra a luz, microorganismos e predadores extrenos.
Os alimentos são embalados logo após o processamento. Alguns vegetais chegam a peder todos os seus nutrientes depois de alguns minutos de cozimento. Na alta de aço, são cozidos em segundos, dentro de autoclaves se altas pressão e temperatura. Produtos agressivos são embalados, transportados e armazenados com total segurança.
Prática, versátil e resistente, a lata de aço agregou, às suas propriedades intrínseca, tecnologias de última geração em design, construção, processamento e envase. Por isso, o surgimetno de novos materiais não afetram a sua liderança no mercado de embalagens.

Prolata
O Prolata - Programa de Valorização e Incentivo ao Consumo da Embalagem Metálica - é uma iniciativa do Sindicato de Estamparia em Metais no Estado de São Paulo (SIEMESP). Participam 25 empresas direta ou indiretamente relacionadas à fabricação de latas de aço, entre elas a CSN - Cia. Siderúrgica Nacional (folha de flandres) - e o Grupo Gerdau, principal reciclador de sucata ferrosa do país.
Fundado em 1992, o Prolata vem atuando junto às empresas, órgãos governamentais, escolas e outros segmentos da sociedade, com três objetivos principais:
-Promover a utilização e o consumo da lata de aço, com base nas suas vantagens técnicas e ambientais
-Aumentar a competitividade do produto
-Promover as metas de participação social das empresas do setor.
A entidade está estruturada em quatro comitês: Administração, Marketing, Competitividade e Reciclagem. Em contato com o público, funciona o serviço Disque-Aço (0800-17044), que atende chamadas de todo país, em busca de comercialização da sucata proveniente da lata de aço. N ainternet, o Prolata mantém, desde julho de 1998, o site www.prolata.com.br com informações atualizadas sobre o setor, programas de reciclagem e características da lata de aço.
O Comitê de Reciclagem fornece, constantemente, apoio técnico e operacional aos órgãos públicos e programas comunitários de reciclagem, tais como os das prefeituras de Angra dos Reis (RJ), São José dos Campos (SP), Santos (SP) e Porto Alegre (RS0, Sociedade Reciclar (Piracicaba, SP), Hospital São José (Joinville, SC) e Sociedade Amigos do Parque da Água Branca (SP), entre outros.
Na área de Educação, a entidade promoveu, em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, o primeiro projeto de Educação Ambiental de incentivo à reciclagem do país junto à rede pública de ensino e realiza palestras em escolas e universidades públicas e privadas, estimulando a reutilização e reciclagem de embalagens empregando procedimentos abrangentes que envolvem a participação de todos os materiais descartados.
O Comitê de Marketing administra as relações da indústria com seus diferentes públicos, promovendo a imagem da lata de aço junto ao consumidor, mercado, autoridades e opinião pública, valorizando as propriedades da lata de aço e a filosofia de responsabilidade social do setor. O Comitê responde pelas pesquisas de opinião, publicidade, relações com a Imprensa, publicações, vídeos, Internet e recursos de multimídia utilizados em palestras, congressos, seminários e exposições.
No Comitê de Competitividade se desenvolvem pesquisas, projetos e ações voltados à relação de custo/benefício do setor, com base nos critérios de Qualidade Total, Melhoria Contínua, Preços e Serviços aos Clientes.

Fonte: http://ambientes.ambientebrasil.com.br/residuos/programa_e_projetos/acerte_na_latan_-_prolata.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário