"A logística reversa é processo de planejamento, implementação e controle do fluxo dos resíduos de pós-consumo e pós-venda e seu fluxo de informação do ponto de consumo até o ponto de origem, com o objetivo de recuperar valor ou realizar um descarte adequado. Desta forma, contribuindo para a consolidação do conceito de sustentabilidade no ambiente empresarial, apoiada nos conceitos de desenvolvimento ambiental, social e econômico. " (Patricia Guarnieri)



Crédito da imagem: jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

sábado, 11 de agosto de 2012

1 ano do Projeto Light Recicla que troca materiais recicláveis por abatimento na conta de luz

Crédito da imagem: CEMPRE
Em agosto de 2011, a Light, companhia responsável pelo fornecimento de energia elétrica a 31 municípios do Rio de Janeiro (incluindo a capital), lançou o Projeto Light Recicla que garante desconto na conta de luz para quem encaminha materiais recicláveis aos pontos de troca do programa. O piloto do Light Recicla é realizado nas Comunidades Santa Marta, Chapéu Mangueira, Babilônia e nos bairros de Botafogo e Humaitá, na Zona Sul do Rio, e já está em estudo sua ampliação para outras comunidades pacificadas.
“Nesses locais, ainda há muito lixo pelas ruas. Então, como podemos falar em ter um resgate da autoestima se essas pessoas estão no meio do lixo? Daí surgiu o Light Recicla para contribuir com a mudança deste cenário. É também uma forma de contribuir com a criação de renda nessas comunidades”, conta Fernanda Mayrink, gerente do projeto.
Em parceria com a Prefeitura Municipal, o Light Recicla instalou cinco Eco-Pontos na região para receber materiais como garrafas PET, sacolas e embalagens plásticas, papéis, metais, vidros, embalagens longa vida e óleo de cozinha, entre outros recicláveis. Cada material tem um preço por peso que gera automaticamente os créditos na conta de energia escolhida pelo participante.
Os moradores também podem optar por doar as cotas referentes aos descontos para instituições sociais cadastradas no projeto. Dessa forma, o projeto se estende à população de outras localidades que podem direcionar seus recicláveis para doação a uma das 17 entidades cadastradas. Este é o caso de três escolas particulares da Zona Sul - Escola Alemã Corcovado, Colégio Santo Inácio e Escola A. Liessin – que já doaram mais de três toneladas de recicláveis.
“Até agora, recebemos 247 toneladas de materiais, 1.847 litros de óleo e contamos com mais de 2.380 pessoas cadastradas”, detalha Marliane Mendonça, coordenadora do projeto. “Na nossa avaliação, o Light Recicla vem tendo uma receptividade bastante positiva e várias comunidades já estão solicitando sua participação no projeto. Temos previsão de expansão para mais comunidades pacificadas que contam com a presença de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). O Light Recicla, além de colaborar para a promoção de um meio ambiente mais limpo, gera renda que contribui no pagamento das contas de luz com materiais que iriam para o lixo.”
O Light Recicla tem como parceiros a empresa 3E Engenharia e a Doe Seu Lixo, além de contar com o apoio das Secretarias Municipais de Meio Ambiente, Assistência Social, Conservação e Serviços Públicos, Comlurb e UPP Social. Segundo o vice-prefeito e secretário municipal de Meio Ambiente, Carlos Alberto Muniz, a iniciativa da Light possui uma grande importância socioambiental. "Esse projeto permite maior conscientização por parte da população com relação às questões sobre os resíduos sólidos e como devemos reduzi-los na natureza. Assim, esperamos que haja uma mudança cultural, de comportamento mesmo, que traga para a cidade e seus moradores mais qualidade de vida."


Para saber mais: http://www.light.com.br/

Um comentário:

  1. Parabéns pelo Blog...gostei mto de conhece-lo! Estarei acompanhando!

    ResponderExcluir