"A logística reversa é processo de planejamento, implementação e controle do fluxo dos resíduos de pós-consumo e pós-venda e seu fluxo de informação do ponto de consumo até o ponto de origem, com o objetivo de recuperar valor ou realizar um descarte adequado. Desta forma, contribuindo para a consolidação do conceito de sustentabilidade no ambiente empresarial, apoiada nos conceitos de desenvolvimento ambiental, social e econômico. " (Patricia Guarnieri)



Crédito da imagem: jscreationzs / FreeDigitalPhotos.net

domingo, 5 de junho de 2011

Oficina de reciclagem ensinou aos participantes técnicas de reaproveitamento de diversos materiais recicláveis

Com objetivo de despertar a atenção para a questão da reciclagem, a artesã Vanessa Wentzel proporcionou neste sábado (4/6) aos visitantes da exposição da Semana do Meio Ambiente, na Concha Acústica, em Brasília, uma aula de como usar a criatividade e a imaginação para dar nova função e forma a materiais que seriam descartados.
A atividade integra as comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado neste domingo (5/6). Na oficina de reciclagem de garrafas PET, Vanessa mostrou aos participantes técnicas de reaproveitamento do material por meio de confecção de flores e borboletas artesanais. Para isso, utilizou garrafas de refrigerente de dois litros, tecidos de algodão e cola.
A artesã explicou que, colocando a criatividade em ação, diversos materiais podem ser produzidos, como porta-objeto, candelabro, brinquedos e peças de artesanato. Ao final, todos que participaram levaram suas confecções para casa e uma sacola retornável de brinde.
Vanessa ensinou também a fazer um modelo de porta moedas customizado com caixa de leite. Para isso, utilizou apenas dobraduras, após ter cortado a parte de cima da embalagem, que ainda foi reaproveitada para fazer a aba de fecho do porta moedas com finalização em velcro. O produto final foi revestido com tecido colorido, dando forma e acabamento ao acessório. De acordo com a artesã, com a caixa de leite ainda é possível fazer bolsas artesanais e carteiras de mão para festa.
Crochê de sacolas plásticas - Já a artesã Margareth Sabóia apresentou técnicas de trabalhos de crochê de sacolas plásticas, que são cortadas e transformadas em um grande fio, torcido e enrolado nos dedos até formar um novelo. A partir desse ponto, é só usar a técnica tradicional do crochê para produzir sacolas, bolsas, carteiras e outros acessórios. A dica da Margareth é sempre molhar a ponta da agulha em óleo para evitar que o plástico grude na mão.
Além das sacolas plásticas, é possível reutilizar sacos de fralda, de jornal, de verdura, de papel higiênico, de revista, de travesseiro, de pão de forma, enfim, todo tipo de saco. Basta utilizar em uma peça sempre o mesmo tipo de saco, com a mesma espessura, para que não dê diferença no produto final.
Veja como ficam os produtos: (Fotos: Jefferson Rudy/MMA)

Semana do Meio Ambinte - Até o encerramento do evento (5/6), outras atividades serão realizadas, como palestras, exposições, seminários, além de feira de iniciativas sustentáveis com exposição e comercialização de produtos, atrações culturais, campeonatos esportivos e shows com atrações locais e nacionais.
O evento é uma iniciativa Governo do Distrito Federal (GDF), com apoio do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e toda a programação é gratuita.
Confira programação completa no site do Instituto Brasília Ambiental
Para mais informações sobre as técnicas de reciclagem, acesse o blog das artesãs.

Fonte: MMA/ASCOM 


Nenhum comentário:

Postar um comentário